9.9.07

Sob a epígrafe de José Dias Egipto

pintura

"A casa é sempre o lugar certo da peleja"
de José Dias Egipto, in – " A Casa "

É em casa que guardo todas as minhas pedras
dentro dos livros de oração.

Ana Maria Costa

4 comentários:

Zénite disse...

A minha casa é feita
de vento e areia
passos incertos
pedras descalças
e portas abertas.


Bonito o que li, Ana Maria.

Bjs.

jorge vicente disse...

e guardas as tuas mãos
e o coração
a pele rarefeita
do teu amor
no espírito

um beijo
jorge

Graça Pires disse...

Ana Maria, gosto de poemas que falem sobre a Casa. Achei lindíssimos estes. O lugar certo da peleja. O lugar de guardar as pedras... Parabéns para ti e para o J. D. Egipto.
Um beijo.

Crítica&denúncia disse...

Maravilha querida ! Aqui estou. Escutei teu chamado e vim sentir a relva molhada e o cheiro de mato que teus poemas me passam. Alda Inacio

Minho actual tv